E começamos as festividades desse ano meio merda 2016 com esse presente da Netflix, e que presente! São duas horas ininterruptas dos nossos amados sensates que estávamos morrendo de saudade.

Nesse tempo longe deles pouca coisa mudou. Para você que assistiu a primeira temporada mas tem a memória limitada (#Doryfellings), vou te dar um en passant de em qual ponto da trama paramos.

Sensates são um grupo de pessoas (8, por isso o nome Sense8) que nasceram no mesmo segundo. Espalhados por diversos locais do mundo, eles possuem uma ligação única, o que permite que eles possam se comunicar e até “trocar de lugar” um com o outro, dividindo experiências, sentimentos, anseios e até habilidades.

Finalizamos a primeira temporada com o seguinte contexto:

Will (Brian J. Smith) conseguiu resgatar Riley (Tuppence Middleton) que estava presa no BPO (Biologic Preservation Organization – organização que o Mr. Whispers; interpretado por Terrence Mann; faz parte). Enquanto isso Sun (Doona Bae) continua presa, Nomi (Jamie Clayton) e Amanita (Freema Agyeman) fogem de agentes do governo, Kala (Tina Desai) acaba de se casar com Rajan (Purab Kohli), Capheus (Aml Ameen) está envolvido com os chefões do crime em Nairóbi, Wolfgang (Max Riemelt) tenta lidar com o crítico estado de saúde de seu amigo e Lito Rodriguez (Miguel Ángel Silvestre) precisa lidar com a possível exposição de sua sexualidade.

Se você ainda não assistiu à primeira temporada, assista! Sense8 é uma série marcada por lutas, quebras de preconceitos e paradigmas, suspense e sexo? SIM! Mas não é só isso, a trama envolve muito bem questões políticas e de gênero, e as cenas… as cenas de Sense8 definitivamente são um motivo a se considerar na hora de decidir acompanhar essa série. Dona de uma fotografia maravilhosa, especialmente por se passar em diferentes países, Sense8 é apaixonante, intrigante e sensual. Assista! Você não vai se arrepender!

Bom, voltando então ao especial de Natal.

Já estamos acostumados com as cenas maravilhosas, ok! As primeiras cenas desse especial são com os sensates mergulhando no mar, ao som de “Feeling Good” (em uma versão de tirar o fôlego) enquanto flashes da história de cada um vão passando. Simplesmente estonteante!

A realidade que temos é a seguinte: Will e Riley estão na Islândia se escondendo do Mr. Whispers (que agora consegue acessar a mente de Will quando quiser, sabendo tudo o que ele vê, incluindo as conexões com os outros sensates do grupo) . Nossa lutadora Sun ainda está presa e começa a ter que lidar com tentativas de seu irmão de acabar com a sua vida; Nomi e Amanita ainda estão fugindo e contando com a ajuda de amigos enquanto o governo aperta cada vez mais o cerco na procura pelas duas; Kala ainda virgem está cheia de dúvidas (e presentes, e festas em uma casa maravilhosa com uma vista estonteante) sobre o seu casamento com Rajan;Felix Bernner (Max Mauff) amigo de Wolfgang finalmente acorda e melhora ; Hernando (Alfonso Herrera) e Lito ainda fazem um casal fofíssimo (mas ainda me irrito com a Daniela – interpretada por Eréndira Ibarra – a personagem não faz nada além de usar o relacionamento de Lito e Hernando para satisfazer o tesão dela, sem a menor substância)estão lidando com as consequências da exposição da sexualidade de Lito ; e SIM, temos um novo Capheus (agora Toby Onwumere) que veio junto com uma nova Van Dame.

Comentários sobre alguns pontos do especial:

O episódio é maravilhoso, mesmo! A evolução da história de cada uma das personagens foi muito bem feita e PAUSA DRAMÁTICA PARA A ENTRADA DE CAPHEUS.

Que roteiro!Na primeira cena com Toby como Capheus os roteiristas inseriram uma sequência que é quase uma conversa com os fãs, falando sobre mudar o rosto mas não a essência da personagem, eles conseguiram explorar a mudança de atores da melhor forma possível: lidando e falando sobre a situação. Foi simplesmente sensacional!

Como não seria Sense8 se não tivesse uma ceninha básica do amor grupal que, mais uma vez, foi de ficar sem ar. A cena, no mesmo estilo da cena na piscina que vimos na primeira temporada, ficou lindíssima!

Outras duas cenas que quero chamar atenção é a cena do aniversário deles, que ficou muito divertida; e a cena do Natal que foi simplesmente maravilhosa. Especialmente com a fala da mãe de Hernando e da família de Amanita, foi uma chuva de amor!

Notamos que os protagonistas estão mais cúmplices um do outro, mais próximos, mais amigos. Mas nem tudo são flores, o especial nos deixou – além de saudade – com várias dúvidas. O acesso irrestrito de Mr. Whispers a Will, que agora também teme por seu pai, pode complicar muito a vida dos sensates. Esse amor platônico de Kala e Wolfgang está ficando um pouco chato, confesso, mas como ela vai lidar com isso (especialmente pela cultura que ela está inserida)? Capheus vai entrar para o crime, sua van foi simplesmente um presente sem segundas intenções? Amanita e Nomi vão ter que continuar se escondendo por quanto tempo? Sun vai conseguir se vingar do irmão?

Agora o jeito é esperar até dia 5 de maio de 2017.