No recente filme de James Gunn, ela lembra sua história trágica, cruel, bizarra: ela foi esquartejada pelo próprio pai, Thanos (Josh Brolin), e reconstruída para se tornar sua arma pessoal. Segundo a sua intérprete, a personagem seguirá sendo aprofundada na franquia paralela, acima de Guardiões da Galáxia: Vingadores.

“Sem revelar nenhum spoiler, nós iremos, definitivamente, continuar o arco de Nebula e descobrir mais sobre seu passado”, disse Gillan, em painel do evento Florida SuperCon (via CBM), sobre sua participação em Vingadores: Guerra Infinita. “E, na verdade, nós descobriremos que é ainda pior do que sabemos.”

 ódio de Nebula pode ser, inclusive, algo que leve os Guardiões da Galáxia em direção aos Vingadores. Especialmente quando Karen Gillan diz que veremos a personagem confrontar todos os seus sentimentos num encontro com Thanos: “Será uma explosão emocionante”, ela completou.

Nos quadrinhos, a frustração de Nebula com seu corpo (um lembrete permanente da tragédia de sua vida) tem um capítulo importante em que a personagem usa uma Joia do Infinito para recuperar sua forma original.

Vingadores: Guerra Infinita estreia nos cinemas brasileiros em 26 de abril de 2018.