qui, 9 fevereiro 2023

A Felicidade das Pequenas Coisas | Filme completa um ano em cartaz; Confira!

Publicidade

O encantador A FELICIDADE DAS PEQUENAS COISAS, escrito e dirigido pelo estreante Pawo Choyning Dorji, completa um ano em cartaz no cinema Petra Belas Artes, nessa quinta, dia 27 de janeiro de 2023. O filme que foi indicado ao Oscar de Melhor Longa Filme Internacional, se passa em Lunana, uma região no distrito de Gasa, no noroeste do Butão.

A FELICIDADE DAS PEQUENAS COISAS foi visto no Brasil por quase 18.000 espectadores, e vem colecionando elogios do público e da crítica brasileira. O diretor conta que a ideia para o longa veio em uma viagem aos “cantos mais profundos dos Butão”. “Percebi que há tanta beleza ali, tanto na paisagem como em relação às histórias. Em todo lugar a que ia, conhecia pessoas inspiradoras com as histórias mais incríveis para contar. Para quem vive numa cidade grande, essas vidas podem parecer infelizes, e, sim, eles levam uma vida dura, mas ainda assim há muita beleza nisso. Essas são as histórias que definem as pessoas do Butão”, disse em entrevista ao Asia Movie Pulse.

A história inspiradora de A FELICIDADE DAS PEQUENAS COISAS é protagonizada por um professor na faixa dos 20 anos Ugyen Dorji (Sherhab Dorji), que está prestes a terminar seu contrato com o governo como professor de escola pública. Ele está cansado dessa profissão, e cogita seguir seu sonho: se tornar um cantor na Austrália. Ele é mandado para dar aula no vilarejo minúsculo e distante, um lugar com 56 habitantes, nas proximidades do Himalaia, e acessível apenas a pé – o que garante uma semana de viagem caminhando.

Publicidade

Antes mesmo de chegar ao novo emprego, Ugyen pede para ser relocado, pois sofre com problemas de altitude, mas sua chefe (Dorji Om) diz que seu problema é de atitude, e que ela nunca viu um professor mais desmotivado.

Ao chegar em Lunana, tudo é tão ruim quando esperava: o celular não pega, seu quarto é terrível, e a energia elétrica é intermitente. E ele insiste em ser transferido, mas, enquanto a mudança não sai, é obrigado a dar aulas ali, e acaba sendo conquistado por seus alunos, e se encanta com Saldon (Kelden Lhamo Gurung), uma jovem cuja bela voz canta sobre a natureza e os espíritos.

O filme foi elogiado pela revista Variety, que destacou, entre outras coisas, as belas paisagens e o elenco. “É um filme degrande coração, que irá agradar ao público. Seus personagens são maravilhosamente interpretados por um elenco de estreantes.

Publicidade

Destaque

Hiccaro Rodrigueshttps://estacaonerd.com
Eu ia falar um monte de coisa aqui sobre mim, mas melhor não pois eu gosto de mistérios. Contato: hiccaro.rodrigues@estacaonerd.com

Deixe um comentário