Alemão 2 | Ator compara ficção à realidade: ‘Muito presente na minha vida’; Confira!

Publicidade

O tráfico volta a dominar o Complexo do Alemão após a falência da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP). A história do filme ‘Alemão 2’ se passa nove anos após o início do projeto das UPP’s na região. A vida de Digão Ribeiro, que interpreta o traficante Soldado na trama, se mistura à ficção na hora de trazer um retrato de como começou a tentativa de pacificação e como o fracasso retratado na produção pode ser ligado aos tempos atuais. “Uma das maiores motivações que tive foi ter vivenciado o início das UPP’s, afinal, sou nascido e criado na Cidade de Deus. Essa realidade é muito presente na minha vida”, relata o ator em entrevista para a jornalista Renata Boldrini, parceira da Ingresso.com. Confira:

O ator prega ainda que o filme traz um retrato que vai ao encontro de seu pensamento sobre o que a sociedade mais necessita hoje em dia. “É necessário um debate mais equilibrado sobre segurança. Olhar com maior cuidado para pessoas já marginalizadas e que precisam urgentemente de atenção. O que veremos nos cinemas é o que está do nosso lado também. Talvez a gente não saiba como fazer para resolver as questões, mas podemos começar ouvindo essa comunidade, palco de tantas coisas perversas que ainda acontecem”.

Para o diretor José Eduardo Belmonte, responsável pelo primeiro longa e que retorna para a sequência, o objetivo da ficção é trazer algumas perguntas e tentar organizar algumas ideias que, para ele, não haviam sido concluídas com a produção lançada em 2014. “Eu sempre achei que tinham mais coisas para serem ditas, pensadas e ainda havia a crença de que as UPP’s resolveriam todas as questões”. E o diretor ainda complementa: “É uma discussão que precisa avançar e traz algumas perguntas: a forma como estamos combatendo o crime é a ideal? É algo que vem de muito tempo, mas e os resultados são satisfatórios? Quem ganha com tanta violência?”.

Publicidade

Mulheres no comando

Do centro nervoso do planejamento à ação, ‘Alemão 2’ traz duas personagens em posições tipicamente ocupadas por homens. A delegada Amanda, interpretada por Aline Borges, é a responsável por guiar os policiais civis na operação que pode custar a vida deles. Na ação, está a policial Freitas, vivida por Leandra Leal, estreante em papéis desse tipo. A atriz relata o prazer em participar do projeto e os dois retratos trazidos pela produção.

“Super necessário. O filme reproduz imagens muito dolorosas, mas também cria imagens muito legais como essa, de mulheres no comando. É importante trazermos esse retrato e a tentativa de agir de outra forma. A todo momento, elas (Amanda e Freitas) tentam colocar um outro comportamento naquela organização. E isso tem muito a ver com o olhar feminino”, opina Leal.

Alemão 2

No complexo do Alemão, o policial civil Machado e seus comandados, Ciro e Freitas, executam uma missão secreta: a prisão de um grande líder do tráfico de drogas. Supervisionados pela delegada Amanda e seguindo as pistas de um informante, a ação sofre uma emboscada. Foragidos, os policiais são caçados por traficantes. Enquanto isso, no centro de operações, Amanda conduz uma investigação sobre o ocorrido e orienta o grupo a sair do Alemão com vida.

Alemão 2 segue em cartaz nos cinemas.

Publicidade

Newsletter

Destaques

Crítica | La Casa de Papel (5ª temporada)

Chegou ao fim La Casa de Papel! Se prepare...

True Lies | Confira o primeiro trailer da série

True Lies acabou de receber seu primeiro trailer oficial pela...

Batman supera marca de US$ 500 milhões em bilheteria ao redor do mundo; Confira!

Segundo informações do Deadline, Batman superou a marca de US$ 505,8...
Hiccaro Rodrigueshttps://estacaonerd.com
Eu ia falar um monte de coisa aqui sobre mim, mas melhor não pois eu gosto de mistérios. Contato: [email protected]

Deixe um comentário