ter, 16 agosto 2022

Crítica | A Caverna (Time Trap)

Publicidade

A Caverna (Time Trap), foi originalmente lançado no ano de 2017, em 2020 caiu nas graças do público brasileiro. O filme atualmente está no TOP 10 de produções mais vistas da Netflix. A razão para explicar esse interesse? Pode ser a sua premissa, que conta a história de um grupo de estudantes de arqueologia que vai até uma caverna misteriosa procurando seu professor desaparecido. No entanto, uma vez dentro da caverna eles descobrem que ali o tempo passa de uma maneira diferente: minutos lá dentro podem significar dias, semanas e até mesmo anos. Premissa instigante, filme bizarro e confuso.

A Caverna | Explicamos o final do filme da Netflix sobre viagem no tempo
Foto: A Caverna/ Divulgação

O tempo é algo precioso, e por isso aconselho a você não perdê-lo com este filme. Parece que nem os seus realizadores perderam um pouco ao construir esta obra confusa e pra lá de desconexa com a realidade e o bom gosto. A direção da dupla Ben Foster e Mark Dennis (Strings) e pra lá de amadora erra coisas básicas como: o ritmo da obra (que é mais arrastado que uma tartaruga manca), os efeitos especiais (que foram tirados de um baú dos anos 80), a montagem amadora, a fotografia e o roteiro.

Foto: A Caverna/ Divulgação

O roteiro assassinado por Dennis (você leu certo), coloca tanta coisa no filme que faz com que o espectador se pergunte a todo momento: “que [email protected]#lh*s é isso?!”. Os personagens são os adolescentes mais estúpidos do ano, suas decisões são desconexas com o bom senso. Parece que o roteirista não sabe como funciona uma pessoa normal. Acontece tantas situações absurdas e os desfechos pra elas são tão incoerentes, que só vendo pra acreditar. As atuações dos atores é de dar pena, pois eles estão tão perdidos na história quanto o espectador. Reiley McClendon (Fly Boys) e o estreante Max Wright entregam atuações sem carisma e de uma apatia (pro primeiro) e chatice (pro segundo) sem precedentes.

Foto: A Caverna/ Divulgação
Publicidade

A Caverna é o desperdício de uma boa ideia e principalmente de tempo. Uma trama maluca que prova que o tempo não faz milagres. Se mesmo assim você quiser arriscar e assistir, aconselho a ativar o botão que acelera a trama. Ao menos você perderá menos tempo assistindo a essa bomba.

https://www.youtube.com/watch?v=zYWEvRwMnys

Publicidade

Newsletter

Destaque

Crítica | Belfast

Essa crítica foi escrita por Matheus Simonsen. Siga ele...

Ator da Marvel se despede das redes sociais para cuidar da saúde mental; Confira!

O ator Tom Holland (Homem-Aranha: Sem Volta para Casa) está...

Sandman | Netflix revela acidentalmente imagens de episódio excluído da primeira temporada; Confira!

A Netflix revelou acidentalmente imagens de um episódio que foi excluído...
Hiccaro Rodrigueshttps://estacaonerd.com
Eu ia falar um monte de coisa aqui sobre mim, mas melhor não pois eu gosto de mistérios.Contato: [email protected]

26 COMENTÁRIOS

  1. A Caverna !!!! Péssimo filme , não perca seu tempo assistindo. Que vergonha se eu houvesse tentado fazer um filme assim não conseguia apresentá-lo nem a meu cachorro!!!! Ele não iria gostar!!!!!😬

  2. Curti pra caramba esse filme. Muito exagerado, desconexo, e com alguns furos. Mas acho que isso melhora a experiência. Nem todo filme precisa ser um nota 10 com premiação do Oscar. Amei a temática do filme e me surpreendi em vários momentos. Nota 7!!

  3. A temática é boa mesmo, do contrário eu nem teria começado a assistir, mas é uma pena que os roteiros estejam cada vez mais enxugados, curtos e explorando cada vez menos temas que poderiam ser melhor elaborados. Tornando por fim o que vimos no filme…analisando beemmm profundamente vc vê tudo isso que foi falado nos comentários em favor do filme, mas é tudo tão confuso que enquanto vc está assistindo fica até difícil ver todo esse potencial 🤔

  4. Achei o filme ótimo!! Acredito MESMO que esse “crítico” entendeu absolutamente nada da história, perdeu tempo vendo o que não entendia e escrevendo sobre o que não entendeu. Sim, também achei a execução e atuação bem ruins mesmo, mas não invalidou a ideia do filme, a lógica da história. A ideia dele é muito boa e faz a gente ter várias vezes um “wtf”. bem bolado. Vale assistir a ele!

  5. Péssimo. Tão ruim que adiantei várias vezes pra terminar de assistir logo, e ver um final mau explicado e confuso.

  6. Sem querer ofender ninguém , mais e o pior filme já feito , de toda a história , não vale um real no ingresso kkkkkkkk .

  7. Caracoles, eu de ressaca acordei pra ver o final. Aumentou minha ressaca….vou beber em dobro agora….Filme 13.

  8. Nunca tinha visto um filme tão ruim. Os primeiros 30 minutos dele são médios, depois o fio e vira uma porcaria

  9. Um dos piores filmes que já vi. Muito ruim, mas muito ruim mesmo – não serve nem para passar raiva de tão ruim.

  10. A única coisa que eu achei, é que este crítico devia tentar a carreira de comediante, pois seus comentários estão hilários!!!

  11. Todo crítico de filmes é um artista desiludido!
    Chato chato mesmo é eu perder tempo lendo críticas de filmes, ninguém nunca saberá o gosto e as reações de cada pessoa, CRITICA CHATA E CONFUSA FOI ESSA HEIN?!

  12. O filme tinha uma grande proposta de que séria bom mas eu não curti muito, o enredo do filme tinha tudo pra ser bom mais no final de tudo foi muito ruim, os efeitos especiais eram muito bons e foi uma das poucas coisas boas que tinha no filme, eu ainda não acredito que perdi meu tempo assistindo esse filme e o final não tinha nenhum sentindo não recomendo que vc assista eu não gostei mais vc pode gostar.

  13. Gente o filme é muito ruim, mas chega a ser engraçado, quem escreveu esse filme devia está muito doidão kkkkk resumo da história: NÃO PERCA SEU TEMPO ASSISTINDO ESSE FILME SEM SENTIDO.

  14. Acabei de ver o filme e sim, o enredo é bom; apesar da direção deixar um pouco a desejar em alguns pontos. Gosto de filmes nessa pegada de mistério. Como o próprio filme mostra tudo dentro da caverna é pra proteger a fonte da ganância do Homem, la dentro o tempo passa diferente, vimos várias gerações lá, certamente tentando a exploração do bem maior que é a água milagrosa. Enquanto isso os habitantes de la ( homens da caverna) tentam a todo custo protegê-la . A descoberta dela para o mundo seria o fim. Anos se passararm até vir alguém do futuro para mostrar isso aos jovens que estavam em busca do Professor Hopper. Enfim, o filme não é ruim, tem todo sentido na atual sociedade em que vivemos, basta enxergar os pontos que ele aborda.

  15. O PIOR FILME QUE JÁ ASSISTI. TÔ IMPRESSIONADA COM TANTA COISA RUIM EM UM UMA HORA E MEIA. E DESCULPA ESTAR GRITANDO, TÔ MUITO IMPACTADA.

  16. Um dos piores filmes que já vi, atuações deprimentes, enredo fraquíssimo, não percam o tempo vendo esse filme.

  17. Concordo com você. O filme é diferente sim, bastante. Mas esse “critico” de cinema nao entende porcaria nenhuma para critica. Não gostar do filme e fazer uma critica negativa é uma coisa, mas estraçalhar o filme dizendo que TODOS os pontos são negativos, isso NAO EXISTE. O filme sim tem efeitos visuais um pouco ultrapassados, mas nao deixa de ser um filme com um grande potencial, achei que a história é muito grandiosa para pouco tempo de filme. Não gostei nenhum pouco foi dessa crítica sem construção.

  18. Está entre os primeiros na Netflix! Só mostra como o público brasileiro se contenta com nada! Péssimo filme! Tema ótimo, poderia ser muito melhor! Forte abraço!

  19. Hiccaro, seu comentário sobre o filme , A Caverna só me mostra o quanto você não está aberto a novas idéias, a olhar o filme como diferente. Eu gostei do filme e não é a toa que está entre os mais vistos da Netflix, atualmente. Não achei nada de confuso, a trama prende e o desejo de saber o que vem em seguida é grande. O filme é de baixo orçamento? Sim. Os atores são novos e desconhecidos do público? Sim. Os efeitos especiais são ruins? A história é ruim? Não achei. Achei sim que dá para rodar um filme interessante com pouco dinheiro e fazer bem feito. O que eu gosto na Netflix é exatamente poder assistir a filmes que saem daquela velha e idiota história dos blockbusters , onde gastam milhões de dólares para fazerem filmes toscos que não me divertem em nada. Gosto de ligar a tv, colocar na Netflix e ter a possibilidade de escolher para assistir filmes e séries dinamarquesas, alemãs, francesas, turcas…com pouco orçamento mas com grandes ideias. Abraços.

Deixe um comentário