sáb, 22 junho 2024

Crítica | A Morte do Demônio (2013)

Publicidade

“A Morte do Demônio” de 2013 é baseado no clássico de mesmo nome de Sam Raimi. Dessa vez com direção de Fede Alvarez, o filme conta a história de Mia, uma jovem com problemas com drogas, que para se desvencilhar de seu vício, vai para uma cabana isolada junto com seu irmão David (Shiloh Fernandez), a namorada do irmão, Natalie (Elizabeth Blackmore), e os amigos de infância Olivia (Jessica Lucas) e Eric (Lou Taylor Pucci). As coisas começam a dar errado quando os jovens encontram no porão da casa uma espécie de altar com animais mortos e um livro misterioso. Quando o livro é aberto e despercebidamente lido em voz alta, uma entidade maligna é liberada e possui os jovens até que só reste um sobrevivente.

O filme se trata de um remake de um clássico, então não podemos deixar de falar do quanto a trama pode parecer familiar. O filme original deu origem a não só uma franquia intitulada “A morte do Demônio”, mas também a vários outros filmes envolvendo jovens, cabanas, rituais e possessões, elementos clássicos em diversos filmes de terror.

“A Morte do Demônio” carrega consigo uma carga de drama enorme, que vai muito além do terror. A história de Mia, o fato de associarem os sinais de possessão a sintomas de abstinência, todos esses fatores fazem com que o filme traga essa carga emocional pesada e com um valor muito grande para todo o roteiro do filme.

Publicidade

Infelizmente, essa carga emocional não é o suficiente para fazer com que o filme saia do lugar-comum dos filmes de terror, e tenha um destaque ou algo realmente memorável. É um filme intrigante de se assistir, causa a medida certa de medo e tensão, mas não traz aquele fator que faz com que o filme fique martelando na sua cabeça por dias e dias. Nos últimos anos, com a quantidade de informação que a nossa cabeça recebe em tão pouco tempo, esse fator de marcação é mais do que de extrema importância para o impacto de um filme.

O filme se encaixa bem nos padrões de seu tempo, ele traz consigo um trabalho de maquiagem impecável e atuações cativantes, grandes fatores que fazem que de maneira grandiosa o filme em termos simples possa ser considerado uma das pérolas do cinema de terror.

Por mais que “A Morte do Demônio” seja muito mais que um filme unicamente sobre um demônio, é essa a sua trama principal, e nela ele se sai muito bem. O desenvolvimento com a história não de um demônio qualquer, mas um com nome e identidade e suas particularidades, as cenas de possessão, tudo isso faz com que ele possa ser considerado um filme de terror de grande qualidade.

Você pode encontrar “A Morte do Demônio” no catálogo do HBO Max, ou para alugar nos serviços da Amazon Prime Video, Apple TV e YouTube.

Publicidade

Publicidade

Destaque

Crítica | Divertida Mente 2

Quase uma década depois do primeiro filme, a Disney/Pixar...

Divertida Mente 2 | Disney confirma sequência da animação!

Divertida Mente é sem dúvidas um dos maiores sucessos...

Yuri Trafane lança livro “Os Quatro Papéis” em São Paulo

Consultor empresarial com carreira executiva em gigantes como J&J,...

Crítica | Alemão 2

O Complexo do Alemão, popularmente chamado de Morro do...

gamescom latam | SEGA trará Metaphor: ReFantazio ao evento

A SEGA of America participará da gamescom latam, um...
“A Morte do Demônio” de 2013 é baseado no clássico de mesmo nome de Sam Raimi. Dessa vez com direção de Fede Alvarez, o filme conta a história de Mia, uma jovem com problemas com drogas, que para se desvencilhar de seu vício, vai...Crítica | A Morte do Demônio (2013)