Crítica | CHiPs – O Filme

CHiPs – O Filme é baseado no seriado, de mesmo nome, que foi ao ar entre 1977 e 1983. O material original contava a história de dois policiais rodoviários que resolviam crimes e se metiam em confusões pelas estradas da Califórnia. A versão que estreou recentemente na Netflix possui pouco do material base, mas acrescenta a ele muita ação e muito humor besteirol.

A comédia conta a história de um agente do FBI designado para trabalhar infiltrado na equipe de patrulheiros rodoviários de Los Angeles com o objetivo de descobrir corrupção dentro da corporação. Ao mesmo tempo um ex-motociclista profissional consegue entrar na corporação e se torna parceiro do agente secreto. Vindos de universos diferentes e com personalidades opostas, a dupla precisará unir forças para capturar uma gangue de assaltantes que vem aterrorizando a Califórnia. 

A trama é repleta de clichês, dos mais vistos até os mais incoerentes. Se o original optava pelo bom humor e mensagens positivas em seus episódios, o reboot substituiu tudo isso por piadas de baixo calão, órgãos genitais e mulheres com pouca roupa. Não que esse tipo de humor não faça rir, mas os mais puritanos irão detestar. As cenas de ação existem aos montes, mas são fracas num geral, a direção de Dax Shepard (Relação Explosiva) é preguiçosa e não possui um sinal de criatividade, para piorar Shepard ainda foi roteirista dessa obra que pouco empolga como filme de ação e arranca poucas risadas pra um filme de comédia. Talvez o acumulo de funções tenha atrapalhado Shepard. O melhor ponto do seu trabalho é a atuação na qual é visível que o ator/diretor/roteirista se divertiu e entregou um personagem pra lá de canastrão que “casa” perfeitamente com o timing cômico de Michael Penã (Homem Formiga) que se diverte em cena. O elenco no geral é um das poucas coisas boas no longa. Das diversas participações que o filme possui Kristen Bell (The Good Place) é de longe a melhor, mesmo com pouco tempo em tela ela é a que mais arranca risos com sua personagem.


Num resumo honesto, CHiPs – O Filme não serve como homenagem para a série original, mas para quem curte um humor besteirol e possui 100 minutos livres a comédia deve agradar com suas tiradas bobonas no melhor estilo 5º série.

NOTA
Hiccaro Rodrigueshttps://estacaonerd.com
Eu ia falar um monte de coisa aqui sobre mim, mas melhor não pois eu gosto de mistérios.

Deixe sua opinião!

INSTAGRAM

AS MAIS LIDAS