Crítica | Evil: Contatos Sobrenaturais (1X01)

Veja nossos últimos stories

Chegou ontem no canal Universal a série Evil, lançada originalmente em setembro de 2019 pelo canal CBS nos Estados Unidos. Evil segue a linha de caso da semana, algo que pode lembrar séries clássicas, como Chicago e Lei e Ordem. Porém com muito mais mistério do que ação. Logo no início, o drama sobrenatural apresenta a psicóloga forense Kristen Bouchard (Katja Herbers – Manhattan), mãe de 4 filhas, com o marido distante e endividado, que recebe uma curiosa proposta de emprego vinda de David Acosta (Luke Cage), um ex-repórter e agora padre em treinamento que investiga casos de possível possessões demoníacas ou intervenções divinas. 

Foto: CBS/Divulgação

A primeira impressão que tivemos foi que a série seria de terror, mas não é, então não fique esperando por sustos. O clima que impera na trama é o de mistério, que está sempre no ar, e pode ser visto nos ângulos de câmera bem trabalhados e na ótima interpretação de Katja Herbers (Westworld) que se mostra desconfortável a maior parte do tempo. Nesse primeiro episódio, podemos destacar a fotografia, que exibe uma paleta de cores com pouco contraste e saturação, variando entre cinza, azul e verde. Porém, nas cenas na qual a personagem de Herbers está dentro de sua casa com suas filhas a fotografia fica mais pro laranja, mostrando que a única alegria da personagem são as suas filhas.

“Rose 390” — Kristen, Ben and David are hired to evaluate Eric (Luke Judy), a seemingly psychopathic 9-year-old boy. Eric takes a liking to David, which leaves them hopeful they can curb his violent behavior. Also, Kristen is most affected by this investigation as she worries about her young daughters who lied about a horror game their grandmother, Sheryl, bought behind her back, on of EVIL, Thursday, Oct. 17 (10:00-11:00 PM, ET/PT) on the CBS Television Network. Pictured (L-R) Mike Colter as David Acosta and Katja Herbers as Kristen Bouchard Photo: Jeff Neumann/CBS ©2019 CBS Broadcasting, Inc. All Rights Reserved

Muito além de possíveis casos sobrenaturais, a trama também aborda assuntos mais profundos como fé, ética e moral. Este primeiro episódio desperta a nossa atenção e nos intriga. A solução deste primeiro caso parece muito “simples” e de uma hora pra outra a protagonista já encontra todas as respostas, o que acaba quebrando o clímax. Mas logo em seguida surge uma nova ameaça muito maior, o que compensa e nos deixa com vontade de ver mais. 

Evil: Contatos Sobrenaturais estreia com o pé direito, no geral, e está disponível no Globoplay. A série já foi renovada para a segunda temporada. Que venha o próximo episódio!

Revisão Crítica

NOTA

Deixe sua opinião!

Instagram

AS MAIS LIDAS

Qual a ordem cronológica de Star Wars!? Confira a crítica de Sem Remorso Os 5 grandes lançamentos do Disney+ em Maio de 2021 Confira os lançamentos de Maio na Amazon Prime Video Confira a crítica de A Família Mitchell e a Revolta das Máquinas The Last of Us 3 já tem história definida