Crítica | História de um Casamento

Relacionamentos pessoais são complicados, ainda mais se há outras pessoas que são resultados deles. No filme “História de um Casamento”, percebemos que tudo gira em torno de como lidamos com a perda e com a separação. Com cenas bem estruturadas e uma ótima direção de imagem, o longa de Noah Baumbach promete merecer a atenção dos seus telespectadores neste final de ano.

Tudo começa quando Nicole (Scarlett Johansson) e seu então marido Charlie (Adam Driver) percebem que estão em uma fase conturbada do seu relacionamento e decidem apelar para o divórcio. Mas por uma decisão conjunta, acreditam que podem lidar com tudo isso sem a presença de advogados, entretanto, Nicole muda sua escolha após receber uma indicação de uma especialista no assunto. Por conta dessa ação, Charlie deverá encontrar um advogado para decidir a custódia do filho do casal, Henry (Azhy Robertson).

No começo, o que me prendeu foi o modo como o diretor e roteirista abordaram a relação passada do casal, posteriormente, revelando ser um exercício por parte da conselheira dos dois. Elogios e descrição de detalhes são evidenciados no início da trama e, sem surpresas, é visto individualmente de maneira bem implícita no decorrer, como se fossem pequenas pontas que fazem parte do meio. Em nenhum momento a atuação dos atores deixou a desejar, nem ao menos pude perceber falhas no modo como a escala de cores e filtros são utilizados no longa.


Uma nova proposta para aqueles que gostam de filmes dramáticos, o filme “História de um Casamento” é sagaz e que traz uma visão sensível de que famílias são laços afetivos fortes que devem permanecer atados.

NOTA
Luíza Rochahttp://estacaonerd.com
Fã número um do Ayrton Senna e aspirante à nova Audrey Tatou.

Deixe sua opinião!

INSTAGRAM

AS MAIS LIDAS

Matrix 4 | Novo vídeo de bastidores tem cena de ação épica; Confira!

Com a produção em andamento há algumas semanas, Matrix 4 teve um novo vídeo de bastidores revelado. Nele, temos os dublês de Keanu...

Os 10 melhores filmes de 2018

A cada ano que passa somos surpreendidos com filmes cada vez melhores. Muitos, claro, já são aguardados por serem alguma continuação. Outros são ótimas...