Crítica | John Wick 3 – Parabellum

No terceiro filme da franquia de ação, o super assassino John Wick (Keanu Reeves) retorna com um preço de $14 milhões por sua cabeça com um exército de assassinos a sua caça. Depois de matar um membro da Alta Cúpula da liga de assassinos internacionais, John Wick é excomungado, mas os homens e mulheres mais perigosos do mundo ainda o procuram a cada esquina.

Ontem, dia 14.05, tive a oportunidade de participar da pré estreia do terceiro filme desta franquia, intitulado de John Wick 3 – Parabellum, e abaixo você vai saber um pouco do que achei desse filme tão esperado pelos fãs da franquia, e como ela me surpreendeu bastante!

Quando você ouve falar de John Wick, você já imagina um filme com muitos tiros, sangue por todo lado, pancadaria e bomba, não é mesmo? E não é por menos que a franquia é sucesso mundial!


Esse definitivamente não é o tipo de franquia que me faria sair de casa para ir ao cinema comprar ingressos e assistir, mas ela me surpreendeu bastante!

O filme tem uma direção muito boa, e avaliando a produção, podemos dizer que são poucas as falhas observadas durante o desenrolar do filme, algumas delas até citei nos Stories do nosso Instagram. Se você não nos segue, está perdendo muita coisa, corre lá pra ver o que aprontamos diariamente, @EstacaoNerdOficial .

Uma coisa bem legal nesse tipo de filme, é que a sinopse mostra uma história bem séria, arriscada, mas na verdade ele não tem tanta seriedade assim, e por diversas vezes vamos soltar risos na sala de cinema, e por outras diversas vezes também, vamos nos sentir agoniados com tanto sangue jorrado na telona, e pela forma brutal que as pessoas morrem.

Como todo mundo sabe, não é tão fácil assim fazer filmes, e eu não posso julgar tanto, considerando que não sou produtora ou diretora de cinema, mas como público, como pessoa que foi ao cinema e assistiu ao filme, eu posso dizer que notei cenas que deixaram a desejar, que algumas vezes são fracas, mas isso é normal, e pode acontecer em qualquer filme ou série, enfim. Mas fiquei chateada que em alguns momentos do filme, parecia que eu estava em casa assistindo aquelas lutas de WWE (fakes e engraçadas). Tirando isso, o  filme como um todo é bem bacana, e não perde a essência, fazendo assim jus aos dois filmes que o antecedem.

Keanu Reeves é um ótimo ator, e tem colegas de elenco que se envolvem bastante com a história e fazem ela acontecer, mas os momentos de tensão que nos faz ficar sem piscar, nos deixam a desejar também.

Outro momento que posso citar, que me deixou bem impactada negativamente, é uma cena em específico, dentro do Hotel Continental, onde rola uma guerra de tiros, e a equipe que está atrás de John Wick, está inteira com roupas à prova de balas e capacetes ultra protetores, e por acaso, a equipe toda acaba tomando alguns tiros do John Wick e morre. Fico intrigada, porque essa mesma equipe dispara várias vezes contra ele, e em momento algum o acerta, John Wick não se fere de nenhuma outra maneira, o que é bem clichê e já vira previsível pra quem assiste filmes de ação com frequência.

Não quero dar mais spoilers sobre o filme, por isso prefiro que vocês assistam, e depois me contem aqui embaixo o que acharam desse filme.

John Wick 3 – Parabellum estreia nos cinemas brasileiros em 16 de Maio.

Deixe sua opinião!

INSTAGRAM

SE LIGA

Os 10 melhores filmes de 2018

A cada ano que passa somos surpreendidos com filmes cada vez melhores. Muitos, claro, já são aguardados por serem alguma continuação. Outros são ótimas...