De acordo com a CNBC, os executivos da Disney tiveram uma reunião com investidores e revelaram que a companhia vai lançar o seu próprio serviço de streaming durante os próximos anos. Tudo isso será feito em parceria com a BAM Tech — empresa de tecnologia parcialmente comprada pela Disney em 2016.

Ainda segundo as mesmas fontes, os conteúdos do canal esportivo ESPN devem chegar à nova plataforma já em 2018; sendo que filmes e outras propriedades da Disney só são prometidos para 2019. Vale dizer que isso já está mais do que garantido para o mercado dos Estados Unidos, mas ainda não se sabe se o mesmo vai ser repetido em outros países.

Apesar de estarmos diante de um período não tão curto até que a nova plataforma seja lançada, não é possível prever se os conteúdos vão permanecer na Netflix e em outros serviços de streaming até o lançamento do novo serviço próprio.