dom, 2 outubro 2022

Em meio à pandemia, negócios estão recorrendo ao e-commerce

Publicidade

E-commerce cresce e se mostra como solução

A pandemia de Covid-19 veio reforçar a tendência que já se vinha verificando relativa ao crescimento do e-commerce. A procura de minimizar saídas e deslocações levou as pessoas direto para as compras online, mais ainda do que antes. Claro que o comércio eletrônico não começou agora, e muitas atividades já vinham crescendo em ambiente online. É o caso dos jogos de cassino, impossíveis de acessar legalmente em salas físicas mas permitidos em sites baseados no exterior; leia aqui mais sobre esse tema. Mas além dos cassinos, das apostas esportivas ou dos videojogos, agora são as compras tradicionais que estão se deslocando para a internet.

E o mais importante é que os hábitos que se desenvolverem agora poderão permanecer para o futuro, impactando definitivamente o modo de trabalhar de pequenos e grandes negócios. Vejamos algumas das principais mudanças que aconteceram ultimamente.

As pessoas estão passando mais tempo em ambiente digital

Publicidade

Um estudo da Merkle indicou que, nos Estados Unidos, os consumidores e usuários passaram 12% mais tempo interagindo com aparelhos digitais. Seria quase inevitável, dados os períodos de confinamento total ou parcial ou a própria vontade dos cidadãos de passarem mais tempo em casa. Esse tempo passado na internet aumenta a probabilidade de mais compras serem feitas por esse meio; os varejistas precisarão investir mais nesse canal.

As pessoas estão passando mais tempo com seus celulares

O mesmo relatório indicou que as pessoas aumentaram em 10% seu tempo em ambiente mobile (smartphones e tablets). Apesar de estarem em casa, nem por isso os usuários se viram para seus computadores.

Aumento fortíssimo em compras online

Um relatório do Bazaarvoice vai direto ao assunto: 62% dos consumidores estão comprando online mais agora que antes da pandemia. A curiosidade virou necessidade, e a necessidade está causando habituação; comprar online deixa de ser algo estranho ou com diversos obstáculos para passar a ser tão comum como era ir diretamente na loja antes da pandemia. E isso nos leva aos dois pontos seguintes.

Conveniência bate preço

A renomada consultora Deloitte realizou um estudo sobre os efeitos da pandemia sobre o comércio retalhista na Dinamarca. Não é certo que os mesmos efeitos possam se verificar em outros países como o Brasil. Mas algumas de suas conclusões podem ser instrutivas.

Uma delas é que a conveniência está batendo o preço como principal razão para os dinarmarqueses fazerem suas compras online. Já não se trata de bancar a oferta irresistível e procurar a internet como alternativa; trata-se de fazer da internet o meio de compra principal, em favor da conveniência.

Novas capacidades logísticas

A Deloitte verificou também que as empresas estão reforçado suas capacidades logísticas de distribuição para vendas à distância. Não se trata de internalizar essas capacidades; elas podem surgir no mercado, com as empresas subcontratando para ganharem esse novo “longo braço” de distribuição. O exemplo mais evidente é o dos restaurantes, que vêm trabalhando cada vez mais com a iFood e a Uber Eats (depois de a Glovo ter deixado o mercado brasileiro em 2019).

Compras online semanais aumentam

Publicidade

Um estudo citado pelo ROI Revolution aponta que 36% dos consumidores estão fazendo compras online pelo menos uma vez por semana desde o início da pandemia, quando apenas 28% o faziam antes.

Em resumo: o mundo está se organizando em torno da internet

Se durante vários anos a internet foi “acusada” de contribuir para uma certa ideia de isolamento social, com os críticos apontando à possibilidade de os cidadãos esquecerem os laços à sua volta e favorecerem apenas o online, agora está acontecendo o inverso. Em uma situação de emergência mundial, a internet está surgindo como uma ferramenta que pode ajudar a combater o problema e, ao mesmo tempo, a manter a economia funcionando.

Publicidade

Newsletter

Destaque

Abracadabra 2 | Sequência ganha cartazes individuais do Disney+; Confira!

O Disney+ revelou os primeiros cartazes individuais de Abracadabra...

Paddington | Curta para comemorar Jubileu da rainha é lançado no Youtube; Assista!

Paddington e a Elizabeth II se uniram em um curta-metragem....

Adão Negro | Ator revela bastidores dos efeitos visuais do filme; Confira!

Dwayne Johnson revelou no Instagram algumas fotos dos bastidores da...

Crítica | Vai Dar Nada

Estreia nesta quarta no streaming do Paramount+, Vai Dar...

Deixe um comentário