5 curiosidades que fazem de Neil Gaiman ser um dos grandes talentos das HQs

Veja nossos últimos stories

Neil Gaiman foi o escolhido para ser homenageado na CCXP Worlds, versão digital do maior festival de cultura pop do mundo, realizado neste último fim de semana. Importante nome da cultura pop e, principalmente dos quadrinhos, o autor e roteirista participou de um painel na última sexta-feira (4), para falar sobre suas experiências com o Brasil, expectativas para a adaptação audiovisual de uma das suas maiores obras e outros assuntos que envolvem a própria carreira. Como somos amantes dos quadrinhos, a gente conversou com a Carol Zara, quadrinista brasileira e editora da nova série de HQ, Alien Toilet Monsters®, para entendermos quais são, para ela, os 5 pontos inusitados que você, provavelmente, ainda não sabia e que fazem de Neil Gaiman um dos grandes nomes da história das HQs.

1. Não é só quadrinista!  

Neil Gaiman tem habilidades pouco conhecidas do grande público. Ele é empreendedor em uma loja de quadrinhos americana. O autor é sócio da “Gods & Monsters”, uma comic shop localizada na Flórida.  “Essa foi uma das primeiras lojas a estocar a primeira edição da minha série, antes mesmo de começar a ser distribuída pelo distribuidor principal de HQs dos EUA, Diamond Comics” relata Carol Zara, quadrinista brasileira e editora da série Alien Toilet Monsters®.

Reprodução: Trip Advisor

2. Sandman foi um presente da DC para Gaiman  

Depois de se tornar amigo de Alan Moore – antes, apenas um ídolo – Gaiman passou a se aventurar escrevendo alguns títulos da DC, seja reimaginando a personagem “Orquídea Negra” ou participando da criação de histórias para o “Monstro do Pântano” e “Hellblazer”. Impressionada com o trabalho dele, a DC pediu para que Gaiman reinventasse “Sandman”. A obra, lançada em 1989, era peculiar e totalmente inovadora para a época e é, até hoje, um marco e uma das grandes realizações do autor.

3. Permite que sejam criativos com as adaptações de suas obras  

- Advertisement -

Diversas obras de Gaiman já foram adaptadas para a mídia audiovisual.  Segundo especialistas da indústria, Gaiman é um dos autores que mais dá liberdade criativa para os diretores e produtores, sem deixar de acompanhar a produção e garantir que o resultado agrade os fãs.
Carol Zara é amiga do ator e ex-lutador Robert Maillet, da WWE, que interpretou o personagem Balor na segunda temporada do American Gods, série de TV baseada no livro de Neil Gaiman. “Conheci o Robert nos bastidores da Wizard World Toronto quando nós fomos convidados para o evento. Ele é famoso por fazer papéis gigantescos, literalmente, pois ele tem mais de 2 metros de altura! O Robert contou que amou ser o avô do Mad Sweeney e que finalmente estava realizando um sonho interpretando um gigante de 3 metros.”

4. É ótimo com o marketing do próprio trabalho

Em uma postagem no seu Instagram, Gaiman divulgou seu novo livro intitulado, em tradução livre, “Os Leitores de Neil Gaiman”. De acordo com ele, o livro não é para quem já leu tudo o que ele já escreveu, mas para quem não leu nada ou muito pouco e quer conhecer mais de suas obras. Errado ele não está, não é?

Reprodução: Instagram @neilhimself

5. Se preocupa com todos os públicos – sem perder a essência  

Apesar de flertar com elementos do horror, o longa e obra literária, Coraline, é uma obra voltada para o público infantil. Já “O Livro do Cemitério” é destinado para público jovem-adulto. “Deuses Americanos” e “O Oceano No Fim do Caminho” são obras de profundidade mais séria e indicada, especialmente, aos adultos.  “Tentar alcançar um público muito amplo, com apenas um título, pode interferir no processo criativo e diluir a ideia central. Quando você fragmenta esse público, você tem como explorar vários temas diferentes.”

Carol Zara / Acervo Pessoal

Gaiman não foi escolhido como homenageado da CCXP à toa: o autor inspira e ensina muito sobre a arte e o mercado das HQs para quem está começando agora.  “É importante que a nova geração se espelhe em grandes ídolos como o Neil. Autores como ele costumam ter uma conduta totalmente profissional. Ele trabalha inteligentemente para criar novas oportunidades na própria carreira e isso fortalece o vínculo dele com os fãs.” – Encerra Carol Zara, editora e co-criadora da história em quadrinhos Alien Toilet Monsters®

Sobre Carol Zara 

Carol Zara é a editora e co-criadora da história em quadrinhos Alien Toilet Monsters®. Para quem não conhece, ATM é uma nova série de terror e ficção científica que explora o conceito do multiverso. A primeira edição da HQ superou a venda de títulos renomados como Batman, Superman e The Walking Dead, segundo varejistas especializados dos Estados Unidos. Nascida no Rio de Janeiro, mas residente no Canadá, Carol já trabalhou como influenciadora para a Virgin Gaming, empresa de e-sports do Richard Branson, e como estrategista digital para os co-fundadores do Ethereum, uma plataforma blockchain. 

instagram.com/carolzara | instagram.com/alientoiletmonsters

Uillian Magelahttps://estacaonerd.com
Co-Fundador do Estação Nerd. Palestrante, empreendedor e sith! No momento, criando meu sabre de luz para cortar a lua ao meio. A, SEMPRE escolha a pílula azul. Não faça como eu!

Deixe sua opinião!

Instagram

AS MAIS LIDAS

Chucky – Confira a crítica do episódio 5 Casa Gucci – Confira a crítica do filme, por André Guerra Casa Gucci – Confira a crítica do filme La Casa de Papel 5 – Confira o título dos episódios finais Os 10 grandes lançamentos da Netflix em Dezembro de 2021 Gavião Arqueiro – Confira os easter eggs dos primeiros episódios