Crítica | Infiltrado (Wrath of Man)

Veja nossos últimos stories

Guy Ritchie (Magnatas do Crime) tem uma filmografia repleta de obras maravilhosas como: Snatch – Porcos e Diamantes e Jogos, Trapaças e Dois Canos Fumegantes. Filmes repletos de um estilo único e com reviravoltas em suas tramas que deixam o espectador boquiaberto. Seu novo filme, Infiltrado (Wrath of Man) é o longa menos fiel as ideias do diretor, mas isso está longe de ser algo negativo. Ritchie aqui, mostra que é versátil e nós agradecemos.

Infiltrado não é um filme inovador em sua narrativa, está longe disso, mas cumpre muito bem o seu papel como entretenimento. A sinopse do filme não revela muito. Harry, conhecido apenas como H, é um homem misterioso que trabalha para uma empresa de carros-fortes e movimenta grandes quantias de dinheiro pela cidade de Los Angeles. Quando, ao impedir um assalto, ele surpreende a todos com suas habilidades de combate, suas verdadeiras intenções começam a ser questionadas e um plano maior é revelado.Temos uma sinopse repleta de mistérios, que vão sendo revelados gradativamente na história, sem muita pressa. Essa tranquila evolução, talvez seja o maior pecado do longa que demora um pouco para revelar suas reais motivações, mas quem tiver calma será recompensado, muito bem recompensado.

Guy Ritchie mostra que sabe filmar e executa planos sequências que são maravilhosos, outro destaque é a montagem que é fenomenal e faz a trama andar com uma fluidez e naturalidade poucas vezes vistas em filmes de ação. As cenas de ação, são muito boas e os tiroteios funcionam muito bem, destaque para as vistas no 3º ato, que é muito bem construído e executado. As cenas de luta são convincentes e Statham mostra que é o cara. O roteiro aposta em diversas linhas narrativas que se cruzam, levando ao 3º ato. A primeira parte é realmente interessante, já a segunda é previsível. Mas no fim a narrativa cumpre seu papel, com 20 minutos a menos o longa seria perfeito. 

Jason Statham (Megatubarão) é um protagonista unidimensional, algo que para esse filme não é ruim. Já que o personagem e o mistério em torno de suas ações pedem isso. O ator desenvolve suas cenas com seriedade e constrói um bom personagem. Os demais atores, constroem seus personagens, apenas para servir como escada para o protagonista e sua missão. No geral, eles cumprem bem suas funções e não decepcionam.

Infiltrado é uma das melhores surpresas de 2021 e merece muito ser visto, seja pelas suas ótimas cenas de ação ou seja apenas para conferir a versatilidade de Guy Ritchie. Seja qual for o motivo, saiba que em ambas o resultado é muito bom e você não irá se arrepender.

Revisão Crítica

NOTA
Hiccaro Rodrigueshttps://estacaonerd.com
Eu ia falar um monte de coisa aqui sobre mim, mas melhor não pois eu gosto de mistérios. Contato: [email protected]

Deixe sua opinião!

Instagram

AS MAIS LIDAS

Confira a crítica de Uma Skatista Radical Confira a crítica de Lupin – Parte 2 Confira a crítica de “Quem Vai Ficar com Mário?” 3 filmes para ver no Dia dos Namorados! 5 Filmes para solteiros no dia dos namorados! Confira a crítica de Din e o Dragão Genial