capa_it-a_coisa-stephen_king Resenha | It - A Coisa de Stephen KingTítulo: It – A Coisa
Autor: Stephen King
Tradução: Regiane Winarski
Editora: Suma de Letras
Ano: 2014
Páginas: 1104

 

Sinopse

Durante as férias escolares de 1958, em Derry, pacata cidadezinha do Maine, Bill, Richie, Stan, Mike, Eddie, Ben e Beverly aprenderam o real sentido da amizade, do amor, da confiança e… do medo. O mais profundo e tenebroso medo. Naquele verão, eles enfrentaram pela primeira vez a Coisa, um ser sobrenatural e maligno que deixou terríveis marcas de sangue em Derry. Quase trinta anos depois, os amigos voltam a se encontrar. Uma nova onda de terror tomou a pequena cidade. Mike Hanlon, o único que permanece em Derry, dá o sinal. Precisam unir forças novamente. A Coisa volta a atacar e eles devem cumprir a promessa selada com sangue que fizeram quando crianças. Só eles têm a chave do enigma. Só eles sabem o que se esconde nas entranhas de Derry. O tempo é curto, mas somente eles podem vencer a Coisa. Em “It – A Coisa”, clássico de Stephen King em nova edição, os amigos irão até o fim, mesmo que isso signifique ultrapassar os próprios limites.

livro_it-a-coisa-1024x1024 Resenha | It - A Coisa de Stephen King

Resenha de It – A Coisa

Estou chamando de resenha, mas… Em vez de uma resenha explicando a história e enredo, por ser um livro bastante conhecido, vou pular essa parte e falar das coisas que me surpreenderam nesse clássico.

1- IT não é bem um livro de terror. Tem “a coisa” e monstruosidades humanas que causam repulsa ao longo da história, verdade! Mas, vi muito mais do que isso. É um livro que fala sobretudo de amizade.

É naquele estilo de filmes dos anos 80 em que as crianças provam sua amizade e lealdade umas as outras enquanto salvam o mundo. Com um detalhe, elas crescem e precisam provar tudo de novo.

É também uma história sobre a infância. De como as coisas são vistas com outros olhos e de como os adultos são tapados para o que acontece no mundo delas. É legal ver como o autor desenrola isso ao longo da trama.

2- A coisa em si me surpreendeu negativamente! Não gostei da revelação final. Achei que teria sido melhor não dizer o que era. O mistério estava melhor. E o que ela é, como acabou, achei um pouco tosco.

it_a-coisa_stephen-king-1024x1024 Resenha | It - A Coisa de Stephen King

3- A cena polêmica no final, que muita gente descreveu como horrenda, algumas até pulara essa parte, não me chocou. Achei desnecessária, claro, mas me tocou bem mais a violência contra mulher e outras cenas narradas ao longo da história.

4- O Sr. Stephen King enrola demais. Ele desvia da história principal o tempo todo e nem sempre isso é agradável. Às vezes enche linguiça mesmo, ele está narrando uma cena tensa e do nada volta pra contar alguma coisa do passado que parece ter nada a ver com o que está acontecendo ali. Mas, na maioria das vezes esse desvio é para aprofundar personagens e nos deixar mais envolvidos com a narrativa. E que maestria em nos envolver. Ele realmente é um dos autores mais impressionantes que já li.

5- Vale dizer que pra mim o valor desse livrão de 1100 páginas está na quantidade de medos aos quais o autor nos expõe. Ele mexe com medos primários, envolve coisas do além, coisas reais, e certamente vai perturbar qualquer leitor em uma parte ou em outra. 🎈

E FINALMENTE: Se o autor focasse só na história da coisa, teria sido bem fraco, mas ao mostrar o impacto disso na vida das pessoas, cria um universo repulsivo e nos deixa muito curiosos pra saber o que vai acontecer. Gostei de ter lido, mas é cansativo, devo admitir.

E essa história foi retomada recentemente nos cinemas, a história foi dividida em duas partes, e a segunda já está para sair. Quem aí já leu/assistiu It – A Coisa? Contem as suas impressões aí nos comentários!

Se quiser se inteirar dos fatos, tem crítica aqui e mais informações sobre a segunda parte aqui.